As áreas de pesquisa em processamento SAR (Radar de abertura sintética), sensoriamento remoto, rádio ocultação, e veículos autônomo são consideradas estratégicas tanto no Brasil quando na Suécia. Diante disso, o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e o Blekinge Institute of Technology (BTH - Blekinge Tekniska Högskola) vêm realizando projetos conjuntos, entre si e em parceria com outros instituições e empresas dos dois países.

Numa parceria entre o CISB e a Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (ANPROTEC), quatro startups brasileiras foram selecionadas para ir a Suécia e apresentar suas tecnologias e novos modelos de negócio para grandes empresas suecas e brasileiras na iniciativa intitulada Corporate Venture Brasil-Suécia.

Um grupo de pesquisadores brasileiros lançou em setembro, durante as Semanas de Inovação Suécia-Brasil 2019, a BARINet – Brazilian Aerospace Research and Innovation Network, uma rede de pesquisa e inovação para atender os desafios tecnológicos da indústria aeroespacial no Brasil.

Conte um pouco sobre sua experiência profissional e sua atuação na UFPR
 
Selma: Sou Engenheira Civil formada pela Universidade Católica do Paraná e doutora em Hidráulica e Saneamento pela Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo. Atualmente sou Professor Adjunta em dedicação exclusiva do Departamento de Hidráulica e Saneamento da Universidade Federal do Paraná (UFPR) e integro o grupo de docente do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Recursos Hídricos (PPGERHA).

Parceria entre o CISB e o plataforma Ignite Sweden levará grandes empresas brasileiras para conhecerem soluções inovadoras de startups suecas em outubro.