Parceria renovada

bol30 mat01

No inicio de março, CISB, CNPq (órgão de incentivo à pesquisa do governo brasileiro) e Saab (empresa aeroespacial sueca) assinaram mais um acordo de cooperação que prevê intercâmbio de pesquisadores. A ação é um novo capítulo na história de mais de seis anos entre as três entidades, que já resultou em dezenas de projetos de sucesso principalmente no segmento aeronáutico.

O novo acordo, que vale até 2023, prevê a oferta de bolsas de estudo para a realização de programas de doutorado sanduíche e pós-doutorado com duração de um ano.

“Quando começamos essa parceria, em 2012, tínhamos que ir até as universidades para comunicar alunos e professores sobre o programa. A Suécia então era pouco considerada como opção de intercâmbio dentro do meio acadêmico”, conta Alessandra Holmo, Managing Director do CISB.

Ao longo dos anos, a parceria se consolidou. Esse fato fica evidente ao se constatar o grande número de grupos de pesquisa já conectados. “Com a rede de pesquisa estabelecida, houve um aumento significativo da quantidade e também na qualidade das propostas de projetos apresentados. Atualmente temos um grande desafio com relação aos projetos a serem selecionados, bem como o impacto na cooperação em P&D&I entre os dois países”, comemora Alessandra. “A próxima chamada conjunta CNP-CISB-Saab será aberta ainda no primeiro semestre deste ano”, afirma.

Do lado sueco, o clima também é de otimismo. Magnus Ahlström, Vice-Presidente da Saab, enaltece a excelência de ambos os países dentro do setor de engenharia aeronáutica. “Ao cooperarmos uns com os outros, podemos dividir custos, pessoas inteligentes e encontrar sinergias entre os países e entre os setores de aviação comercial e militar, além de soluções para indústrias diversas, como de veículos, mineração, equipamentos manufaturados, entre outras”, diz.